São Luís, 31 de março de 2016

Dom Frei João Muniz Alves, ofm

É com uma mistura indescritível de alegria e saudades que aqui viemos para sua nova casa, A Prelazia do Xingu.

Foram anos de convivência em nossa paróquia, em especial em nossa comunidade: a São Miguel Arcanjo. Com o senhor, aprendemos o sentido legítimo de ser franciscano: ser fraterno, manso, ouvinte e operário.

A alegria, com a qual nos enchemos de orgulho, é grande e dupla! Pois, um filho de nossa paróquia, que muitos de nós vimos andar, aconselhar, concelebrar e trabalhar pela obra do Reino, é escolhido pelo Santo Padre para ser o sucessor dos doze Apóstolos. E também por termos a agradabilíssima certeza de que entregamos este pai amoroso para apascentar estas ovelhas tão queridas, rebanho este que nos encheu de fé, certeza e emoção quando hospedados em nossas humildes instalações.

Já a saudade é aquela de saber, querido Frei, ainda não nos acostumamos com o Dom, que a possibilidade de nos encontrarmos com o senhor será bem menor. Mas, saiba, Dom João Muniz, que o seu jeito simples e único já conquistou o Xingu, de norte a sul.

Seria aqui uma injustiça citar apenas alguns dos momentos de paz e luz que a sua presença como pai e pastor nos trouxe como pessoas e como comunidade. Portanto, mesmo que seja muito pouco, nos cabe aqui agradecer com todo o coração, em nome da Comunidade São Miguel Arcanjo, serva da Paróquia Nossa Senhora da Glória e São Judas Tadeu, da Arquidiocese de São Luís do Maranhão, por tudo que já fez pela Santa Igreja e por tudo que ainda fará!

Que Deus o abençoe e o guarde, com a intercessão de São Miguel Arcanjo e São Francisco de Assis! Que Ele volte a Sua face misericordiosa para o senhor, sua missão e seu povo! Que Ele, o Altíssimo, lhe conceda um longo episcopado, cheio de bons frutos e, sobretudo, Deus!

Como prova de nossa gratidão, eis o nosso presente para o senhor: São Miguel Arcanjo! Uma imagem daquele que temos certeza que lhe será um grande guardião, seu fiel defensor em todas as batalhas pelas quais passar.

E com São Miguel, fechamos esta homenagem, dizendo: São Miguel Arcanjo, defendei-nos no combate!

Carinhosamente,
Os protegidos de São Miguel Arcanjo