Pão para a vida

Padre Miguel faz reflexões diárias a partir da leitura da Palavra de Deus.

Breve histórico:

Nome completo: Michael Rohde, Missionário do Sangue de Cristo -CPPS
Nascido na Alemanha parte ocidental, na região Norte, interior de uma vila pequena localizada no meio entre Frankfurt e Hannover.
Entrou no seminário 1985, foi ordenado diácono 1992 e trabalhou um ano e meio numa paróquia na Baviera perto da fronteira com Áustria, 50 km distante de Salzburgo onde eu estudou.

Em1993 foi sua ordenação sacerdotal. Por dois anos trabalhou como vigário numa paróquia perto do Lago de Constância na fronteira com Suíça. De 1995 a 2000 trabalhou como formador e professor no Colégio da congregação na região de sua origem (5 km distante da casa de seus pais). Era o local onde passou seu tempo escolar. Tinha que cuidar dos jovens que ficavam internados e voltavam para suas famílias só no final da semana. Em 2000 fecharam esta parte do internato do colégio e assim ficou livre para vir para o Brasil. No ano 2000 cursou de língua Portuguesa no CENFI em Brasília. 2001 e 2002 trabalhou como vigário no Perpétuo Socorro e na Catedral na cidade de Altamira. 2002 até 20012 reitor do seminário de sua Congregação em Ananindeua. Desde então, voltou a trabalhar como pároco do Perpétuo Socorro em Altamira.

FaceBook  Twitter  

20 Agosto 2014

Leitura: Ez 34, 1-11

Evangelho: Mt 20, 1-16

 

A parábola do patrão que contrata trabalhadores para sua vinha tem uma mensagem dupla para nós: Deus mesmo vai cuidar de seu povo, com já o profeta Ezequiel anunciou. Como o patrão sai sempre de novo para dar trabalho e vida aos diaristas na praça Deus vem ao nosso encontro, para podemos alcançar vida em abundância. E esta história nos mostra o significado da justiça divina. A justiça de Deus é fazer o bem necessário para todos. Ela não baseia-se em méritos ou capacidades, ela cuida como é preciso.

FaceBook  Twitter  

19 Agosto 2014

Leitura: Ez 28, 1-10

Evangelho: Mt 19, 23-30

 

Um provérbio fala: “Prepotência e orgulho precedem as quedas!” – Assim o profeta anuncia o rei de Tiro a ruína e a perdição. Jesus não ameaça seus ouvintes como Ezequiel, mas ele lamenta pela não-compreensão e pelo coração duro do jovem rico. “Mas fácil um camelo entra pelo buraco de uma agulha que um rico (ou prepotente e auto-suficiente) entrar no reino de Deus!” Jesus nos desafia a procurar nossa segurança e riqueza em Deus e viver e servir com humildade ao próximo.

FaceBook  Twitter  

18 Agosto 2014

Leitura: Ez 24, 15-24

Evangelho: Mt 19, 16-22
 

O profeta Ezequiel se torna sinal para o povo mostrando com a sua própria sorte para onde leva a mal conduta na vida. O jovem rico no evangelho de Mateus se torna um sinal da dificuldade de conversão verdadeira para cumprir o único mandamento de Jesus a amar e servir ao próximo. Contemplamos hoje estas duas figuras para viver com novo zelo e nova coragem o caminho do mandamento divino.

FaceBook  Twitter  

17 Agosto 2014 – Solenidade da Assunção de Nossa Senhora

1ª Leitura: 1 Cr 15, 3-4.15-16; 16, 1-2; Ap 11, 19; 12, 1.3-6.10

2ª Leitura: 1 Cor 15, 54-57 1 Cor 15, 20-27

Evangelho: Lc 11, 27-28 Lc 1, 39-56
 

Em Maria Deus confirma sua vontade de cuidar da nossa vida. “O morte, onde está tua vitória? Onde está o teu aguilhão?” Deus não quer a nossa morte, mas vida em abundância. ELE tem preparado um lugar para todos nós. Festejamos hoje a vida e a nossa esperança.

FaceBook  Twitter  

16 Agosto 2014

Leitura: Ez 18, 1-10.13.30-32

Evangelho: Mt 19, 13-15

 

A vida pertence a Deus e ELE não é vingativo. Ninguém precisa se responsabilizar por coisas que outros fizeram. Os filhos não precisam assumir falhas dos pais. Ao contrário! Jesus nos mostra o carinho de Deus pela vida abençoando as crianças. Ele nos chama a mesma simplicidade e sinceridade que as crianças têm. “Convertei-vos e vivereis!”

FaceBook  Twitter  

15 Agosto 2014

Leitura: Ez 16, 1-15.60.63

Evangelho: Mt 19, 3-12

 

Deus se mostra fiel a sua aliança com o ser humano, mesmo os homens mostrando um coração duro e falta de confiança. ELE nos envolve em perdão e graça para termos vida em abundância. “Quem puder entender, entenda!”

FaceBook  Twitter  

14 Agosto 2014

Leitura: Ez 12, 1-12

Evangelho: Mt 18,21 – 19,1

 

Quantas vezes é preciso perdoar? – Esta pergunta acompanha a nossa vida a cada dia. Parece é mais fácil ignorar os erros do outro que realmente perdoar. O perdão inclui o cuidado. Consciente da falha do próximo eu cuido para que ele possa recuperar sua vida. Eu abro espaço para que outros possam viver. Perdão não é apenas um ato ou um momento, perdão é uma atitude de vida. Somos desafiados a cuidar do nosso próximo sempre ... setenta vezes sete.

FaceBook  Twitter  

12 Agosto 2014

Leitura: Ez 2,8 – 3,4

Evangelho: Mt 18, 1-5.10.12-14

 

O profeta Ezequiel fica obrigado a se alimentar da palavra de Deus na forma de um rolo em que antigamente foi escrito a Tora. Este momento profético nos questiona. Como tratamos com a palavra de Deus? Lemos nela por costume? Ou por obrigação, porque faz parte do nosso ministério? Ou ela realmente entra na nossa vida como o alimento de cada dia? – Onde a palavra entre na nossa vida e nos penetre vai acontecer o que o evangelho fala: vamos ser como crianças que falam a verdade e que são capazes de amar e se reconciliar a qualquer momento.

FaceBook  Twitter  

13 Agosto 2014

Leitura: Ez 9, 1-7; 10,18-22

Evangelho: Mt 18, 15-20

 

Um pensamento difícil ... o profeta Ezequiel fala: Deus está perdendo a paciência com os homens. A razão é a falta de compaixão e perdão. O evangelista Mateus confirma a importância de se reconciliar. O perdão sem condição é marca da nossa vida cristã.

FaceBook  Twitter  

11 Agosto 2014

Leitura: Ez 1, 2-5.24-28

Evangelho: Mt 17, 22-37

 

É importante criar uma visão sobre a própria vida ... de onde ela vem e para onde ela vai, perspectivas e esperanças. ... O profeta Ezequiel trabalha esta visão no exílio da Babilónia e chega a conclusão que Deus vai enviar um salvador, o “filho do homem”, uma espécie de um “super-homem”. Jesus também cria a sua visão e chega a conclusão que o antigo mencionado “super-homem” tem que passar o normal do mundo. Cada um será cobrado a pagar seus impostos e taxas para contribuir à vida de todos e quem procura o bem ainda mais será entregue nas mãos dos outros para sofrer. – Hoje nós somos chamados a mudar estas regras da história do nosso mundo! Valorizar a cada um que procura fazer bem – seja alguém que faz parte da nossa comunidade ou não – e realizar mesmo na própria vida o bem a favor dos demais. Passos pequenos para transformar o mundo, não são passos que já possam alcançar o resultado definitivo, mas são passos importantes no totalidade da vida.