MAPA DO SITE

FaceBook  Twitter  
FaceBook  Twitter  

06 Abril 2013

Leitura: At 4, 13-21

Evangelho: Mc 16, 9-15

“Pessoas simples e sem instrução”, assim classifica Lucas os discípulos nos Atos dos Apóstolos. Mas ele também consta firmeza e segurança no testemunho com que enfrentam as autoridades. Mais uma vez vemos o processo que fez deles tal testemunhas. O ressuscitado os repreendeu, criticando a falta de fé e confiança. O que Ele ia dizer hoje sobre nós e para nós? “Jesus, aumente e firme a minha fé”! Precisamos crescer no nosso testemunho nos nossos dias, vencer os nossos medos e a nossa apatia dentro do mundo.

FaceBook  Twitter  

05 Abril 2013

Leitura: At 4, 1-12

Evangelho: Jo 21, 1-14

Os discípulos tinham que aprender a compreender a história de Jesus e a Páscoa. João nos fala da resignação deles depois da morte do mestre. Eles querem voltar para aquilo que era antigamente a vida deles. “Eu vou pescar”! Falta de um rumo e medo diante do poder que levou Jesus à cruz. A presença do ressuscitado deixa crescer nova confiança no “não-poder” do amor e dá a coragem de enfrentar os poderes religiosos e políticos. Até hoje nós precisamos do mesmo processo de aprendizagem para que a Páscoa seja mais que uma lembrança piedosa, para que possamos ser testemunhas e transformadores e transformadoras do nosso mundo de hoje.

 

FaceBook  Twitter  

Catequese de Iniciação Cristã

 

O EVANGELHO DE JOÃO: uma catequese para gente grande

 

  1. No tempo da Páscoa do ano “C”a liturgia da Igreja escolheu o evangelho de João para ser proclamado. Vamos entender um pouquinho esta pérola da Palavra de Deus:

João é último a escrever com a comunidade do “discípulo amado” uma narração da vida de Jesus. O seu estilo é todo especial, bem diferente de Mateus, Marcos, Lucas.

com a cronologia da vida de Jesus, mas sim com a sua mensagem, com um caminho de fé da comunidade do discípulo amado.

Em primeiro lugar vem a pergunta: Quem será o discípulo amado? Nunca está escrito o autor ou o nome deste discípulo. É uma pessoa? É uma comunidade? E’ o discípulo João e a comunidade fundada por ele?

A tradição diz que foi João, filho de Zebedeu, irmão de Tiago, a escrever pela volta do ano 100 este belíssima Boa Noticia: João é o discípulo perfeito, o discípulo amado.

João começa desde o Principio, quando a Palavra estava junto de Deus; e veio no mundo para dar Vida. A mensagem da criação é muito presente em todo o evangelho, rumo ao sexto dia, dia da criação do homem e da mulher: Cristo veio para concluir uma nova criação na sua Páscoa.

  1. João é um poeta, um místico, um homem contemplativo do mistério da palavra que se fez carne e habitou entre nós; rejeitado, o Filho de Deus, nos faz filhos de Deus, nascidos de Deus, crendo no seu Nome.

Para João a carne de Deus é o maior sinal da presença de Deus na humanidade: cabe a nós acolher este mistério de amor.

FaceBook  Twitter  


04 Abril 2013

Leitura: At 3, 11-26

Evangelho: Lc 24, 35-48

Ignorância e comodismo estão presentes na vida particular de cada pessoa e na vida das sociedades e se tornam causa de morte, de sofrimento e de falta de vida para muita gente. Assim a história humana se mostra como uma sequencia de guerras, de violência, de desprezo e de solidão e abandono. Jesus, cujo nome significa “Deus salva”, desafia nos a ter fé, a nos fixar no projeto de Deus que é “vida em abundância para todos”. Ele mesmo assumiu o sofrimento, se mostrou solidário com os sofridos. Ele nos trouxe perdão, novos espaços para viver em plenitude. E ele nos chama a sermos testemunhas desta nova vida realizando a mesma misericórdia que ele mostrou. “A paz esteja convosco! – Vós sereis testemunhas de tudo isto”! Agora nós temos que abrir caminhos para aqueles que sofrem, que caíram em culpa que sentem falta de vida e levar a paz para eles.

FaceBook  Twitter  

03 Abril 2013

Leitura: At 3, 1-10

Evangelho: Lc 24, 13-35

“O que eu tenho eu te dou”! e “Não estava ardendo nosso coração quando ele nos falava”? – Os dois textos de hoje obre as nossas relações humanas e a nossa convivência. O vazio que muitas vezes encontramos no nosso dia a dia vem da nossa maneira de não nos encontrar como ser humano, mas sim a partir de interesses, de economia ou outros “assuntos” Encontrar o outro e falar para que os corações possam arder, dar o que nas nossas mãos ... a nossa atenção e o nosso reconhecimento do outro. Assim podemos experimentar ressurreição a cada dia.

FaceBook  Twitter  

Ilustração feita por Alberto Vagner 11 anos30 de Março 2013

1ª Leitura: Gn 1, 1.26-31

2ª Leitura: Gn 22, 1-2.9-13.15-18

3ª Leitura: Ex 14,15 – 15,1

4ª Leitura: Is 54, 5-14

5ª Leitura: Is 55, 1-11

6ª Leitura: Bar 3, 9-15.32 – 4,4

7ª Leitura: Ez 36, 16-28

Epistola: Rm 6, 3-11

Evangelho: Lc 24, 1-12

Um dia de silêncio e normalmente sem liturgia, sem celebração. Deus está morto! O mundo vazio! Este dia quer nos fazer perceber o vazio da nossa vida. Sem a presença de Deus a morte é o limite de tudo que podemos fazer. O Sábado depois da paixão de Jesus Cristo é um dia escuro. Só o dia depois, o dia da Páscoa quer nos abrir novos horizontes. A vigília pascal na origem aconteceu na madrugada do dia da Páscoa e não ao anoitecer do Sábado. Assim o convite é viver o silêncio.

A vigília pascal nos deixa mergulhar de novo na abundância da presença de Deus através de sua palavra. Sete leituras da parte do Antigo Testamento, um trecho da carta do apóstolo Paulo aos Romanos e uma sequencia do evangelho de Lucas nos mostram que Deus quer falar conosco. A nossa existência é uma passagem para a vida verdadeira. Iniciando com o projeto divino que era muito bom passando o momento do desvio quando o homem assumiu o pecado e continuando com os livros dos profetas mostrando que Deus por amor não deixa sua criação e o ser humano. Por amor a morte se tornou vida nova em Jesus Cristo. O Cristo ressuscitou para que nós nos ergamos também e trilhando nas pegadas dele passando as nossas cruzes cheguando também a vida em plenitude e a vida eterna. Uma Feliz Páscoa para todos!

 

(Ilustração feita por Alberto Vagner 10 anos)

 

FaceBook  Twitter  

Paróquia Sagrado Coração de Jesus, também chamada de Paróquia da Catedral.

Padroeiro: Sagrado Coração de Jesus.

Dados:

Catedral Prelatícia Sagrado Coração de Jesus

Pároco e Vigário Geral Pe. Vandeir Lima Alves

Endereço da Paróquia: R. Cel José Porfírio, 1322 - 68371-030 Altamira (PA) - Caixa Postal: 51
68371-970 Altamira Pará

Padre Vandeir - Residência: R. José Porfírio,1.400 B. Catedral 68371-030 Fone: (93) 3515-3928

E-mail
Msn:

FaceBook  Twitter  

Este pequeno percurso histórico foi elaborado para comemorar 75 anos de presença da Congregação dos Missionários do Sangue de Cristo no Brasil e na região do Xingu. O tempo não parou deste momento e os últimos anos mostraram que novos desafios estão na nossa frente.

 

Quem sabe de onde está chegando se tornará capaz de enxergar para onde está indo!”

Anotar a história não é um momento de glorificar o passado, mas sim um ato de se encaminhar para um futuro. O caminho desafiou uma presença mais pioneira nas décadas passadas e provavelmente hoje uma presença reconciliadora numa sociedade que está se modernizando e transformando a cada dia.

Agradecemos a Deus pela graça que nos guiou todo este tempo e agradecemos também a tantos companheiros e companheiras que ajudaram e colaboraram nesta obra divina. Confiante na benção de Deus vamos tocando em frente para anunciar a Boa Nova de Jesus Cristo para que “todos tenham vida em abundância.

 

Altamira, 30 de janeiro de 2012

Pe. Michael Rohde, CPPS

Vigário Provincial e Diretor do Vicariato Brasileiro dos

Missionários do Sangue de Cristo

Irmãs Franciscanas da Penitência e Caridade Cristã
FaceBook  Twitter  

Nossa Missão

 

Nós, Irmãs Franciscanas da Penitência e Caridade Cristã, filhas de Madre Madalena Damen, chegamos ao Brasil em 1872, na Cidade de São Leopoldo. Iniciamos a nossa missão na Educação, estendendo para a Saúde e Assistência Social. E hoje contamos com os seguintes campos de missão:

FaceBook  Twitter  

Protesto (contra Belo Monte) dos povos Indígenas em Altamira - Pará

Indígenas protestam em Altamira - Pará contra a destruição do rio Xingu

Precisamos de você.

O mundo não esquecerá...

Nossa Vida Franciscana nos convida a testemunhar a alegria de viver e anuncia um Deus Bom e providente que ama a todos os filhos e filhas/ irmãos e irmãs com um amor incondicional.
Francisco e Clara de Assis e Madre Madalena nos inspirem e ajudem a fazer nossa parte! 
Junte-se a nós e venha fazer parte das Irmãs Franciscanas!

 

Subcategorias

Bispo responsável: Dom Erwin Krautler

Nascimento: 12/07/1939 -Koblach/ Áustria, ordenação

presbiteral: 03/07/1965 - Salzburg/ Áustria.

Sagrado bispo em 25/01/1981 - Altamira - Província

Eclesiástica Belém do Pará.

 

Endereço: Avenida João Pessoa, 1212 CEP 68371-040 - Centro, Altamira - Para - Brasil

 

Tel: 0055.0XX93.3515.1761 - Curia - 0055.0xx93.3515.2494

 

 

Características Gerais da Prelazia

A Prelazia do Xingu foi criada a 16/08/1934, pela Bula “Animarum Bonum Postulat” do Papa Pio XI, desmembrada da Arquidiocese de Belém do Pará e das então Prelazias de Santarém e Santíssima Conceição do Araguaia. Foi confiada pela Santa Sé aos cuidados da Congregação dos Missionários do Preciosíssimo Sangue de Cristo. 1º Administrador Apostólico: Dom Armando Bahlmann, OFM (1935). 2º Administrador Apostólico: Padre Clemente Geiger, CPPS (1935-1948). 1º Bispo Prelado: Dom Clemente Geiger, CPPS (1948 a 1971). 2º Bispo Prelado: Dom Eurico Krautler, CPPS (1971 a 1981).

 

Superfície: 368.086,0 KM²

População: 392.211 hab

Densidade Demográfica 1,1 hab/km² (baseado em dados do, IBGE - 2000)

 

 Mapa da Prelazia do Xingu

 

MunicípioS pertencentes: Altamira, Anapu, Bannach, Brasil Novo, Cumaru do Norte, Gurupá, Medicilândia, Ourilândia do Norte, Placas, Porto de Moz, São Félix do Xingu, Senador José Porfírio, Tucumã, Uruará, Vitória do Xingu.

 

A Prelazia do Xingu é formada por seis regiões pastorais:

Região Alto Xingu: Ourilândia do Norte, São Félix do Xingu e Tucumã;

Região Médio Xingu: Vitória e Souzel;

Região Baixo Xingu: Porto de Moz e Gurupá

Região Transamazônica Oeste: Brasil Novo, Medicilândia, Uruará e Placas;

Região Transamazônica Leste: Belo Monte e Anapu

Região de Altamira: Paróquia Sagrado Coração de Jesus, Áreas: Perpétuo Socorro e Imaculada Conceição

 

Os municípios de Cumaru do Norte e Bannach são atendidos pela Diocese de SS. Conceição do Araguaia.

 

A Prelazia possui três instâncias de decisão: Grande Assembléia do Povo de Deus no Xingu, Conselho de Pastoral e Coordenação de Pastoral.

 

 

Nesta Seção você poderá baixar arquivos: texto, vídeo ou figuras que tenham relação com o trabalho pastoral na Prelazia, na medida que for sendo disponibilizados pelas pastorais ou agentes de pastoral.

Alguns Downloads poderão ser feitos somente por usuários cadastrados. Caso você seja um Agente de Pastoral e tenha alguma dificuldade entre em contato com o Centro de Pastoral para que faça o seu cadastramento como Agente.